SOBRE SONHOS, PERSEVERANÇA E CONQUISTAS

“Quando nos conhecemos, nosso objetivo era apenas o de fazer os nossos casamentos. Hoje nossa meta é realizar os sonhos das noivas que estão sempre conosco”

Por Kellen Lima/Assessoria de Imagem

capap-album

Ao primeiro golpe de vista elas são duas jovens bem diferentes, seja no aspecto comportamental, ou físico. Ao segundo olhar certamente percebe-se que Clarice Possidônio e Tatielle Marinho (ou Tati), as fundadoras do Noivas Unidas do Recife (NUR) – grupo fechado do Facebook, com aproximadamente 7 mil membros – são mais parecidas do que imaginam e têm uma relação fraterna, oposta ao cotidiano do grupo. Agora à frente do WeddingClub, as novas empreendedoras da capital pernambucana provam que para alcançar um objetivo é preciso vontade e persistência.

“Nossa amizade foi construída e solidificada, de uma forma muito natural, ao longo dos últimos três anos. De noivas em busca do casamento dos sonhos, com valores condizentes aos nossos bolsos, passamos a amigas. Pensávamos muito em um negócio com a nossa cara, que unisse o bem comum e a realização de casamentos, de forma a atender às necessidades das meninas a caminho do altar”, explica Clarice. Já a timidez de Tati não esconde o entusiasmo, ao falar sobre a amiga. “Eu era filha única. Até encontrar Clarice”, diz, aos risos. Sobre os negócios, ela é enfática e retoma a seriedade: “Trabalhar com ela não é simples. Mas é prazeroso, assim como contribuir, de alguma maneira, com os  matrimônios”.

Quando o assunto é “NUR“, a empolgação também é visível. “O grupo foi criado muito despretensiosamente, mas se tornou fundamental nas nossas vidas. Ajudamos, enquanto sonhamos, junto com as meninas. Ver as fotos de um casamento, por exemplo, idealizado junto conosco, é extremamente gratificante”, diz Clarice, contando com a aquiescência de Tati, a qual completa: “Até porque esse resultado, o casamento, é fruto de um trabalho muito árduo. Muita gente pensa que fazer essa ponte entre as noivas e fornecedores é algo fácil, mas não é. Batemos de porta em porta, passamos muito tempo longe dos nossos maridos e famílias, investimos mesmo. E fazer tudo isso e manter um ambiente virtual saudável, é uma pequena batalha”.

 Mas o NUR cresceu, tomou proporções não esperadas e foi preciso decidir entre findá-lo ou investir nele, com uma nova roupagem. A opção escolhida foi aquela que pareceu mais acertada para elas. “Não fazia sentido deixar tudo para trás e desconstruir sonhos. Resolvemos investir não apenas no grupo, mas no mercado do casamento como um todo, com uma proposta diferenciada e inédita. Aliar nossa expertise, ao conceito do WeddingClub. Ou seja: queremos todos  ganhando, como sempre foi, entre noivas e fornecedores de alta credibilidade”, explica Clarice, ao anunciar o novo empreendimento.

 Da virtualidade à realidade – Quem acompanha as meninas, no meio virtual, pode – também – ver as discussões entre elas… E tudo não passa de uma grande brincadeira. Como duas irmãs, a relação é a mais normal possível. “A gente briga, se estressa, puxa a orelha uma da outra e no final das contas rimos de tudo”, diz Tati. Enquanto dividem parte das suas vidas, entre elas e o grupo, a contadora Clarice e a engenheira Tatielle, colocam o mundo das ideias em prática. “Quando nos conhecemos, nosso objetivo era apenas o de fazer os nossos casamentos. Hoje nossa meta é realizar os sonhos das noivas que estão sempre conosco, no NUR, e agora aqui”, afirma Clarice, enquanto Tati finaliza: “O WeddingClub é um clube de compras, sim. Mas tem muita gente por trás dele. Gente sonhadora, gente batalhadora… De certa forma, é uma extensão do NUR. Nosso desejo é o desejo de quem procura a nossa ajuda. E o nosso futuro, há de ser igual para todo mundo: sucesso”.

Deixe uma resposta